Notícias

ABNT publica norma que traz diretrizes para auditores da Certificação de Sustentabilidade do Couro

 

Inédita no mundo, a Certificação de Sustentabilidade do Couro Brasileiro (CSCB) vem sendo gradualmente implementada no Brasil. É que, com a recente publicação da NBR16346:2015, deu-se mais um passo em direção ao selo que servirá de garantia da produção sustentável de couros. A norma, válida a partir de 01 de março, tem como foco os futuros auditores responsáveis pela avaliação de conformidade dos curtumes que aderirem à CSCB. A partir deste documento, os certificadores passam a ter parâmetros para as auditorias.

Nomeada Diretrizes para Auditoria em Curtumes – Procedimentos de Auditoria – Critérios de Qualificação para Auditores de Curtumes, a norma estipula a formação e a experiência profissional exigida dos auditores, além de orientar sobre as formas de treinamento e sobre os processos de auditoria dos curtumes em si.
 
A Certificação de Sustentabilidade do Couro Brasileiro é um programa que vem sendo estruturado desde 2012. A proposta de criação de um selo que indique as boas práticas dentro do setor é apoiada por representantes de toda a cadeia – de profissionais, empresários e pelos compradores de couros, como calçadistas, indústrias artefatos, de móveis, dentre outros.

Para obter a CSCB, as empresas devem comprovar que a produção de seus couros é atenta às questões econômicas, ambientais e de responsabilidade social, bem como demonstrar o compromisso com a melhoria contínua destes indicadores.

Fonte: www.cscb.org.br

 

 


Outras notícias